todas as categorias

Notícias

Home >  Blog >  Notícias

Lucid, startup de carros elétricos dos EUA, construirá fábrica na China por volta de 2025

02 de janeiro de 2024 1

daniel-salcius-res73oK75HI-unsplash(1)

A Lucid Motors, uma startup elétrica com sede na Califórnia, disse que planeja montar instalações de produção em mercados estrangeiros, incluindo a China, por volta de 2025.

“Em meados da década, planejamos ter fábricas também no Oriente Médio e na China”, disse o CEO Peter Rawlinson em entrevista à CNBC na quarta-feira.

Rawlinson não deu detalhes. Agora tem fábrica no Arizona, e a startup iniciou as entregas de seu primeiro modelo, o sedã Air, em setembro.

A China abriga o maior mercado automotivo do mundo, e a pioneira em veículos elétricos Tesla abriu uma fábrica no país em 2019, que se tornou seu principal centro de exportação global.

Os NEVs estão ganhando popularidade na China. As vendas de veículos elétricos e híbridos plug-in dispararam 134.9% em relação ao ano anterior em outubro, para cerca de 383,000 unidades, representando 16.4% do total de entregas de veículos no mês.

As entregas nos primeiros 10 meses deste ano totalizaram 2.54 milhões, representando 12% das vendas totais de veículos no mesmo período. O número foi de 5.8 por cento em 2020.

Zhang Yongwei, especialista-chefe do think tank automotivo chinês EV 100, disse que os carros elétricos e híbridos plug-in representariam 30% das vendas de veículos novos no país em 2025.

A Lucid espera produzir 20,000 mil sedãs Air no próximo ano, meta que a empresa estabeleceu pela primeira vez em julho. Rawlinson disse que a Lucid tem “mais de 17,000” reservas para o modelo.

“São depósitos reembolsáveis, mas cresceram mais de 30% apenas nas últimas seis semanas desde o final do terceiro trimestre”, disse Rawlinson.

As perspectivas aumentaram a confiança dos investidores e levaram a sua capitalização de mercado para 89.86 mil milhões de dólares, ultrapassando a do segundo maior fabricante de automóveis dos EUA, a Ford.

Rawlinson disse que a empresa está quadruplicando o tamanho de sua fábrica no Arizona, que agora tem capacidade anual projetada de 34,000 mil veículos.

Fundada em 2007, a Lucid era originalmente conhecida como Atieva, que fabricava baterias para ônibus elétricos na China.

Ela levantou mais de US$ 100 milhões de vários investidores asiáticos, incluindo o fundador da Faraday Future, Jia Yueting, e a BAIC Motor, de acordo com a Yicai Global.


×

Entre em contacto

SAIBA MAIS